6 de dezembro de 2006

Poesiaça

Pessoas!

Mais uma obrada-prima que brotou da embriaguez de 10 poetas que se contaram 9! =P

Apreciem!
(Com ou sem moderação? Sei lá! Problema seu, porra!!!)




Manguace-me, poeta das bandejas
entorpeça-me coa plenitude deste momento
[despretensioso e etéreo
etílico
que prova, mais a mais, de modo empírico
que o rebento
em grupo é aéreo e lírico
traga o copo, traga a realidade
sua fuga
transubstancie ternura etílica, diga!
traguemos deste ar, deste espírito
delírios, ilusões, doideiras híbridas
tracemos nesse mapa o nosso vôo
incrivelmente lúcidos e lúdicos.
Vertamos as lágrimas
de alegria
que lavam a cidade da mundície
E essa dormência, poeta das bandejas
é o que em nós se almeja.

17 comentários:

  1. saí trôpego, pelos blogs da mesma rua.

    []´s

    ResponderExcluir
  2. Fejones, que que cê acha de no começo de Janeiro repetirmos esta dose de alegria?
    Inesquecível quando você brincou com o Leandro, quando ele, indignado, dizia terem alterado um dos versos do "poema a 9 mãos", um dos que ele havia feito, aliás: "é apenas o eu-bêbado que não lembra mais o que o eu-lírico escreveu..." Uma coisa neste sentido que cê disse, né não!? Definitivamente, essa ficou pra história!
    Abração, poeta, meu amigo!

    ResponderExcluir
  3. Poesia com cachaça
    Só podia dar nisso:
    Essa saudade, que não passa!!!


    (tb querooooooo, qdo vai ser, de novo??? -Janeiro? Janeiro eu vou aí...)


    **Estrelas**

    ResponderExcluir
  4. voltou, né, Fejão?
    em ótima hora!

    ResponderExcluir
  5. Oê Fejones,

    Que bom que está de volta. Mais uma paisagem, mais uma casa pra vir vezenquando pedir xícara de açúcar, conselho, liquidificador, rs.....

    Beijos...

    ResponderExcluir
  6. Gostei! \o/

    Principlamente das rimas.... das palavras que usaram pras rimas! Bem legal!
    :)

    Tomara que eu consiga ir pro proximo encontro!

    Bjão!

    ResponderExcluir
  7. Eeeee!!! O próximo está chegando! Não vejo a hora!

    Beijos pra você!

    ResponderExcluir
  8. Isso pq vc ñ escuchó nada de mto diferente ainda, Takren...

    ResponderExcluir
  9. Que volta triunfal! Tim-tim!

    ResponderExcluir
  10. FERNANDO GUERRERO
    MUITO BOM TEU BLOG, SE PUDER VISITA O MEU E DIZ QUE ACHO, VALEU
    http://ferrero.uniblog.com.br/

    ResponderExcluir
  11. uiaehiuaeoieahuehiuea

    maravilhoso !

    ResponderExcluir
  12. Feijãozinho!!!!

    Pois eu adoro quando comenta por lá, especialmente quando é o primeiro! hehehe

    Faz tempo que tento comentar aqui, mas tenho um sério problema com o Blogger! Sabe-se lá porque essas caixinhas de comentário me odeiam e nunca consigo carregá-las! Mas hoje ela colaborou e estou aqui!!! :D

    Fiquei de responder a seu outro coment... algo como "servimos bem para servir sempre"! O que me fez lembrar o slogan da padaria aqui da esquina! HAHAHA Mas vc serve muito bem, só pra constar!!! :P

    Finalmente a correria da facul acabou!!! Agora só o ano que vem! Porém o trabalho não pára, e talvez eu pegue plantão no Natal e Ano Novo! Vamos ver... Mas tudo bem, até tenho dó dos pacientes que passam fim de no lá sozinhos e nem ligo de fazer "companhia"! :)

    Beijocas, querido que ADOOOOROOOOOO!

    Bom domingão!

    ResponderExcluir
  13. 10 poetas loucos,dormentes,e cheios de brilho e talento,
    bjo grande

    ResponderExcluir
  14. E agora 17, porra, Jefferson!
    Que título sensacional!
    O achado da semana!
    Que achei no blog do Octávio!
    Viva, cazzo!

    Un abrazio,

    Fred

    ResponderExcluir